Av. Nossa Senhora de Copacabana, 928 / Gr. 602, Rio de Janeiro - RJ (21) 2545-2599

Os piores erros cometidos ao viajar

Os piores erros cometidos ao viajar

Você deve ter uma lista de erros cometidos ao viajar, certo? Mas não se preocupe porque é comum que isto aconteça principalmente se estamos começando a tomar gosto por viagens para o exterior. Devido à diferença de cultura e costumes não é surpresa cometer um deslize em um lugar completamente desconhecido, não é mesmo? Para ajudar você a evitar as situações embaraçosas Listamos neste post alguns dos erros mais cometidos por quem viaja principalmente para o exterior, onde a cultura, hábitos e preços praticados são bastante diferentes do Brasil. Veja se você já passou por uma dessas situações e se você tomou a atitude mais indicada para os turistas.

Piores erros cometidos ao viajar

Passaporte – Tome sempre muito cuidado com seu passaporte, compre uma capa e evite deixá-lo com estranhos. É muito comum no Sudeste Asiático, por exemplo, pedirem seu passaporte como garantia quando aluga-se um carro ou moto. Tente ao máximo encontrar outra alternativa mas se não for possível confira página por página quando pegá-lo de volta.

Assaltos/furtos – É comum ouvir histórias de turistas que foram aos Estados Unidos ou países da Europa e passaram por perrengues, principalmente pequenos furtos. É um grande erro pensar que durante as férias nada pode acontecer, mas muitos relaxam e esquecem de cuidados básicos, como deixar a bolsa/mochila nas costas quando estão dentro de algum transporte público. Estar visitando um país de primeiro mundo não significa estar livre de assaltos e situações de risco.

Perder avião / ônibus / trem – Quem nunca perdeu o horário do embarque? Isso pode acontecer também quando precisamos pegar um trem ou ônibus para um passeio qualquer. Preste bastante atenção principalmente em países onde a língua é difícil ou incomum. Tente reunir o máximo de informações para evitar transtornos que possam atrapalhar sua viagem.

Fonte de informação – Sempre procure duas ou mais fontes de informação, seja para algo do dia-a-dia, reserva de hotel, dica de passeio, ou qualquer outra coisa. Pode ser mais trabalhoso para nós procurar mais detalhes e outras opiniões sobre o que você pretende fazer no país, mas também é uma forma de garantir que você irá fazer a coisa certa.

Bagagem – Muita gente paga pelo excesso de bagagem por não saber se planejar. Tudo bem que são muitas regras diferentes, voos nacionais e internacionais, fora o inconveniente de carregar um monte de malas pra lá e pra cá. Planeje bem suas compras, se possível coloque menos roupas na mala antes de viajar para poder ocupar o espaço com as compras. lembre-se: gastar dinheiro pelo excesso de bagagem é ruim e a chateação de carregar muitas malas é bem pior.

Roaming internacional – Talvez este seja o pior de todos os erros. Muita gente já se sentiu um tremendo idiota quando recebeu a fatura do celular de mais de dois mil reais após uma viagem pro exterior. Hoje existe wi-fi grátis em qualquer estabelecimento (hotéis, cafés, bares, restaurantes, etc) e nos ajuda a evitar gastar dinheiro fazendo ligações pelo celular. Quando precisar estar conectado o tempo todo, compre um chip de celular com internet local que é bem mais barato e resolve o problema.

Vistos e vacinas – As companhias aéreas geralmente checam a documentação do passageiro antes do embarque, principalmente para voos internacionais, mas podem acontecer falhas. O certificado internacional de vacinação precisa estar em dia, pois muitos países exigem a vacina contra a febre amarela para liberar o viajante. Veja aqui quais são os países que pedem estas vacinas.

Hospedagem – Por mais que possa dar certo na maioria das vezes, deixar a hospedagem para última hora nem sempre é a melhor opção. Imagine chegar em Big Island, a maior ilha do Hawaii, sem a reserva do hotel e descobrir que está acontecendo o Iron Man, o evento de triatlon mais concorrido do mundo? Não haverá nada disponível, nem hotéis, nem carros para alugar.

Tempo – Apesar da ansiedade de conhecer tudo o que for possível, evite querer visitar todos os lugares ao mesmo tempo. Além de encarecer ainda mais a sua viagem, certamente você não terá tempo suficiente para conhecer de fato os lugares devido ao tempo escasso.

Preguiça / Planejamento – Quase todos os erros partem da preguiça para planejar algum aspecto da viagem. Preguiça de acordar cedo, pesquisar, pedir informação… enfim, pecar em algum aspecto do planejamento.

No final das costas todos aprendem mesmo é com a prática. Conhecer outras experiências pode ajudar a evitar problemas, pois você saberá o que pode dar errado numa viagem.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos marcados como obrigatório *

dezenove − 14 =