: GMT +9
: Deoksugung
: + 25 milhões
: Won sul-coreano

Sobre Seul

Seul

Seul é a capital e a maior metrópole da República da Coreia, mais conhecida como Coreia do Sul. A cidade é o núcleo da Região Metropolitana de Seul, que inclui a metrópole vizinha de Incheon e a província de Gyeonggi, a segunda maior área metropolitana do mundo, com mais de 25 milhões de habitantes.

É cercada por montanhas, sendo o monte Bukhan a mais alta delas, o parque nacional mais visitado do mundo por metro quadrado. Entre os marcos modernos estão a icônica N Seoul Tower, o dourado KLI 63 Building, o neofuturista Dongdaemun Plaza, o Lotte World, o segundo maior parque temático coberto do mundo, e a Ponte Banpo, a mais longa ponte-fonte do mundo.

A capital sul-coreana foi eleita o destino turístico mais procurado do mundo por turistas chineses, japoneses e tailândeses por três anos consecutivos (2009-2011) e, com mais de 12 milhões de visitantes internacionais em 2013, é a 10ª cidade mais visitada do mundo.

Atualmente, Seul é considerada uma cidade global importante, resultado do boom econômico chamado de "Milagre do rio Han", que transformou-a de um amontoado de ruínas durante Guerra da Coreia para a 4ª maior economia metropolitana do mundo, com um PIB de 774 bilhões de dólares em 2012, depois de Tóquio, Nova York e Los Angeles.

A metrópole é a sede de empresas da Fortune Global 500, como a Samsung, a maior empresa de tecnologia do mundo, a LG e a Hyundai-Kia. Em 2013, o PIB (PPC) per capita da cidade de 39.448 dólares era comparável ao da França e Finlândia.

Seul é a cidade mais conectada do mundo e o seu sistema de metrô é um dos mais extensos do planeta. A cidade está conectada ao Aeroporto Internacional de Incheon, classificado como o melhor aeroporto do mundo por nove anos (2005-2013) pelo Conselho Internacional de Aeroportos.

O Lotte World Tower, um arranha-céu de 556 metros de altura e com 123 andares, está em construção e será o mais alto da OCDE.