: Monte de San Pedro
: Cabo Finisterre
: Playa de Riazor

Sobre Corunha

Corunha (em castelhano: La Coruña) é uma cidade e município da comunidade autónoma da Galiza e capital da província homónima, localizada no noroeste da Espanha.

O município abrange uma área de 37,8 km² e em 2016 tinha 243 978 habitantes (densidade: 6 454,4 hab./km²).

O que a torna a segunda maior cidade da Galiza, despois de Vigo.

No centro da Corunha fica a Praça de María Pita, erguida em 1860 e principal ponto de encontro entre cidadãos e visitantes, onde fica o edifício do concelho, que alberga a maior colecção de relógios da Europa.

O centro histórico da urbe é a Cidade Velha onde se encontram construções religiosas como a Igreja de Santiago, a mais antiga da cidade, a Colegiata de Santa María do Campo, com um museu de Arte Sacra, e o Convento de San Domingos, além de muitos outros pontos de interesse, como o Xardín de San Carlos, com um magnífico miradouro de onde se vê o Forte de San Antón.

Esta antiga fortaleza domina a entrada do porto e acolhe o Museu arqueológico desde 1964.

As fachadas sobre as galerias da Avenida da Mariña, com varandas de madeira e vidro, originaram a designação Cidade de Cristal.

As ruas do centro e da Cidade Velha estão repletas de cafés e tabernas.

As ruas Olmos, Galera, A Franxa ou A estrela são famosas pelas suas tabernas, e as esplanadas da praça de María Pita também são populares.

A oferta de diversão nocturna é ampla e variada, com espectáculos, casino, representação no Teatro Rosalía, concertos e festivais.

A enseada é palco de regatas nacionais e internacionais de vela e de remo.

No passeio marítimo fica a Torre de Hércules, o monumento mais emblemático da cidade.

Data do século II d.C. e é o farol em funcionamento mais antigo do mundo.

A Corunha tem um conjunto de museus dedicados à ciência eartes: o Aquarium Finisterrae, a Casa das Ciências (onde há um planetário), a Casa do Homem (ou Domus) e o Museu de Belas Artes.