Arquivo por Categoria "Dicas"

topo-museus

Museus de arte contemporânea que você precisa conhecer

Existem centenas de museus de arte contemporânea pelo mundo, e grande parte destes locais costuma exibir obras de artistas mundialmente famosos, bem como de artistas locais. Sem dúvida, as viagens culturais são a grande tendência do turismo para os próximos anos. Então, aproveite a rica experiência de conhecer as variadas formas de expressão artística, criadas por artistas de diferentes culturas, durante suas viagens internacionais. Neste artigo, listamos 10 museus de arte contemporânea pelo mundo para você se inspirar. Confira!              

1) LOS ANGELES, EUA

museus de arte contemporânea
Museu: Los Angeles County Museum of Art (LACMA)

O LACMA é o maior museu de toda a costa oeste americana, e conta com 5 instalações distintas (internas e ao ar livre), sendo a Urban Lights a mais famosa. Trata-se de uma coleção contendo 202 postes de luz vintage, que ficam ainda mais atraentes à noite, quando estão acesos.

2) NOVA YORK, EUA

museus de arte contemporânea, tendência do turismo
Museu: Whitney Museum of American Art

Este museu é considerado a principal instituição de arte moderna e contemporânea dos Estados Unidos. As obras exibidas, que variam entre pinturas, esculturas, até fotografias, filmes e novas mídias, costumam ter um enfoque em temas econômicos e sociopolíticos.

Confira nossos pacotes de Viagens Internacionais. Quer uma viagem personalizada? Fale agora com a nossa equipe de consultoras usando o nosso telefone, chat, e-mail ou nos visitando pessoalmente. Teremos o maior prazer em te atender!

3) BILBAO, ESPANHA

museus de arte contemporânea
Museu: Guggenheim Museum Bilbao

Considerado uma das “12 Maravilhas da Espanha”, este museu abriga uma infinidade de obras de artistas renomados internacionalmente, assim como obras de artistas bascos, já que o museu se encontra na região autônoma conhecida como País Basco.

4) ROMA, ITÁLIA

viagens culturais
Museu: Museo D’Arte Contemporanea di Roma

Reconhecido como o centro de arte contemporânea mais importante de Roma, este museu exibe diversas obras de artistas italianos e internacionais. Ao longo do ano, várias exibições, seminários e shows costumam acontecer por lá.

5) QUEENS (NYC), EUA

viagens culturais, tendência do turismo
Museu: Museum of Modern Art PS1

Localizado no bairro de Long Island, no Queens, o MoMa PS1 é um dos maiores museus dos Estados Unidos dedicado unicamente à arte contemporânea. Desde sua inauguração, em 1971, o MoMa PS1 tem sido uma instituição focada nas últimas tendências relacionadas à arte e às diferentes formas de expressão, que incluem música, performances ao vivo e vídeo.

Leia mais:

6) LONDRES, INGLATERRA

tendência do turismo
Museu: Tate Modern

O museu Tate Modern é a galeria de arte mais visitada da Europa. Uma visita ao Tate proporciona um passeio completo pela história da arte moderna do século 20 em diante. O museu apresenta diversas coleções permanentes, que vão desde pinturas até performances ao vivo.

7) TÓQUIO, JAPÃO

viagens culturais, tendência do turismo
Museu: Mori Art Museum

As obras exibidas neste museu são bem variadas, e incluem temas relacionados ao mundo fashion, à arquitetura moderna, bem como design, fotografia e vídeo. Sem dúvida, este museu é um dos locais mais interessantes para visitar em Tóquio. As coleções buscam explorar diversos fatores que elevaram a arte contemporânea asiática a um outro patamar.

8) XANGAI, CHINA

8a
Museu: Museum of Contemporary Art (MoCA)

Aberto em 2015, o pavilhão onde está localizado o MoCA é um espaço totalmente moderno, dedicado à artistas locais com ideias inovadoras. Suas paredes de vidro que vão do chão ao teto fazem a experiência de visitar o local ainda mais agradável.

9) BERLIM, ALEMANHA

viagens culturais
Museu: Hamburger Bahnhof

Este museu é um dos maiores de Berlim, e conta com uma das mais significativas coleções de arte contemporânea do mundo. O Hamburger Bahnhof fica localizado no antigo terminal da Ferrovia Hamburgo-Berlim.

10) PARIS, FRANÇA

museus de arte contemporânea
Museu: Centre Pompidou

Reconhecido por possuir a maior coleção de arte moderna da Europa, o Pompidou exibe obras tão impressionantes quanto as que são exibidas no Louvre. Você terá a chance de ver de perto obras de artistas renomados, como por exemplo Picasso, Miró, Matisse, dentre muitos outros.

 Você sabia que o app da Mar-Tha Rio possui várias funcionalidades extremamente úteis que podem te ajudar durante sua viagem, tais como conversor de medidas, tradutor, conversor de moedas e informações sobre o clima? Com o app Mar-Tha Rio você também poderá fazer seu check-in, comprar ingressos para diversos pontos turísticos e comparar preços de passagens aéreas, hotéis e muito mais. Instale gratuitamente o aplicativo da Mar-Tha Rio no seu iOS ou no seu Android.

Mar-Tha Rio no Facebook

Mar-Tha rio no Instagram

Tagged
Leia mais
italia-topo

Os 10 lugares mais bonitos da Itália

Conheça os 10 lugares mais bonitos da Itália e prepare-se para viver experiências inesquecíveis durante sua próxima viagem pelo país. Dispondo de um litoral deslumbrante, uma infinidade de lagos e montanhas imponentes, a Itália orgulha-se de ser um dos destinos turísticos mais badalados de toda a Europa. Aqueles que visitam o país se encantam com sua história, arte, gastronomia, arquitetura, locais sagrados, vilarejos charmosos e cenários pitorescos. Qualquer que seja o mês de sua viagem para a Itália, as chances de você se apaixonar de vez pelo país são altíssimas!

Viaje para a Itália com a Mar-Tha Rio!

Confira todas as nossas viagens para a ItáliaQuer uma viagem personalizada? Fale agora com a nossa equipe de consultoras usando o nosso telefone, chat, e-mail ou nos visitando pessoalmente. Teremos o maior prazer em te atender!

Veja agora os 10 lugares mais bonitos da Itália para você visitar

1. Roma

lugares para visitar na Itália - Roma é o principal destino turístico da Itália. Faça viagens espetaculares pela Europa. Fale com a Mar-Tha Rio!
A Praça de São Pedro fica bem em frente à basílica

Já dizia o ditado: “todos os caminhos levam à Roma”. Considerada um dos melhores lugares para visitar na Itália, a cidade de Roma é reconhecida em todo o mundo como um centro de cultura, arte e religião. Além disso, Roma é o principal destino turístico da Itália, e deve entrar no roteiro de qualquer pessoa em busca de viagens espetaculares pela Europa.

A Basílica de São Pedro é a obra mais renomada da arquitetura renascentista, bem como a maior e mais impressionante igreja do mundo. Todo o interior da basílica foi decorado com mármore, relevos, esculturas e ornamentos com acabamentos em ouro. A Basílica de São Pedro fica no Vaticano, um Estado soberano e autônomo que fica dentro da cidade de Roma. Ao visitar este importante monumento, aproveite também para conhecer a Capela Sistina, o Museu do Vaticano, bem como a belíssima Praça de São Pedro.

Ostentando mais de 2 mil anos de história, o Coliseu é o monumento mais visitado na Itália, e mais de 6 milhões de pessoas passam pelo local todos os anos. Durante seu auge, o Coliseu foi palco dos mais variados tipos de espetáculos, como por exemplo exibições de animais exóticos, execução de prisioneiros e lutas de gladiadores. A partir do século VI, o monumento sofreu inúmeros saques, abalos por terremotos e até mesmo bombardeios durante a Segunda Guerra Mundial, em sua história mais recente.

O Pantheon, ou Panteão, é uma das estruturas da antiga Roma mais bem preservadas do mundo. Um dos detalhes que mais chamam a atenção neste monumento é sua gigantesca cúpula. A estrutura, que é repleta de detalhes, foi construída como um templo em honra a todos os deuses. Uma visita ao local é uma verdadeira viagem no tempo.

2. Veneza

Punta della Dogana se destaca na paisagem, por conta de seu formato triangular

Com canais serenos e uma arquitetura que desafia o tempo, a romântica Veneza é, sem dúvida alguma, um dos lugares mais bonitos da Itália. A cidade, que é banhada pelo Mar Adriático, começou a ser construída no ano de 452. Devido à sua posição geográfica estratégica, a cidade foi uma importante rota comercial entre o Oriente e o Ocidente. A partir do século XVI, Veneza foi deixando de ser uma potência comercial para se tornar, já naquela época, um dos maiores pontos turísticos da Europa.

Faça um romântico passeio de gôndola pelo Grande Canal, enquanto aprecia uma paisagem sem igual. Ao longo do passeio, você irá admirar locais históricos, como por exemplo a suntuosa Igreja de São Marcos, considerada um dos melhores exemplos da arquitetura bizantina, bem como o campanário da basílica, que é um dos símbolos da cidade. Esta torre de sinos possui 98,6 m de altura e fica bem perto da entrada da basílica.

Punta della Dogana foi a alfândega da antiga Veneza. Neste local, onde o Grande Canal se encontra com o Canal Giudecca, navios vindos de diferentes partes do mundo costumavam ancorar e desembarcar mercadorias. Hoje, este é um espaço totalmente restaurado, e abriga um incrível museu de arte contemporânea, que conta com vários eventos culturais ao longo do ano.

3. Pisa

principais destinos turísticos da Itália - lugares para visitar na Itália
A famosa torre cilíndrica já tinha uma certa inclinação quando sua construção foi concluída, em 1372

A bela cidade de Pisa, localizada ao longo do Rio Arno, nos transporta para uma época memorável, quando a região era um verdadeiro império comercial. O mistério que envolve a Torre de Pisa, que se mantém erguida até hoje apesar de sua acentuada inclinação, faz da cidade um dos mais recomendados lugares para visitar na Itália.

Não deixe de fazer um passeio pelo Jardim Botânico de Pisa, conhecido como Orto Botanico Dell’Universitá Di Pisa. Este é um dos mais antigos jardins botânicos do mundo, inaugurado em 1544.

4. Milão

principais destinos turísticos da Itália
A luxuosa galeria possui quatro andares e fica bem no centro de Milão. Seu nome homenageia Victor Emmanuel II, o primeiro rei do Reino da Itália

A cosmopolita cidade de Milão, capital da Lombardia, fica localizada no norte da Itália, e é conhecida como sendo o reduto fashion do mundo. É em Milão que encontra-se a magnífica Catedral de Milão, a terceira maior do planeta. Sua elaborada construção, no estilo gótico e de forte influência francesa, teve início no ano de 1386. Por outro lado, ao visitar a igreja de Santa Maria della Grazie, você irá encontrar uma das maiores e mais famosas obras de Leonardo da Vinci – a Última Ceia.

Não deixe de passear pelo famoso e vibrante Quadrilatero d’Oro, uma região clássica que concentra as mais belas lojas de grife da cidade. É nesta região que encontra-se um dos shoppings mais antigos do mundo – a luxuosa Galleria Vittorio Emanuele II. O local, que é formado pelo cruzamento de duas ruas com uma linda cúpula no centro, tem o chão decorado com belos mosaicos e possui diversas lojas e restaurantes em seu interior.

5. Costa Amalfitana

lugares para visitar na Itália
A Costa Amalfitana é um destino popular de férias, com penhascos e uma costa acidentada, na qual se destacam pequenas praias e vilas de pescadores

A Costa Amalfitana é uma região litorânea estonteante, que se estende pela Península Sorrentina, localizada no sul da Itália. Sem dúvida, um dos lugares mais bonitos da Itália. Comece sua viagem pela pitoresca cidade de Positano, onde belíssimas casas coloridas se destacam entre a encosta rochosa e o mar azul. Da mesma forma, a cidade de Ravello é conhecida por conta de suas construções espetaculares e cenários encantadores com vista para o mar. O verão é a estação que atrai grande parte dos milhares de turistas que visitam a região ao longo do ano.

6. Florença

Faça viagens espetaculares pela Europa. Fale com a Mar-Tha Rio!
O museu da Galleria degli Uffizi divide-se em várias salas, e exibe obras do século XII ao século XVIII, com a melhor coleção do mundo de obras do Renascimento

Uma passada por Florença é indispensável para todos que viajam para a Itália. Florença é uma cidade que respira arte e é repleta de maravilhas arquitetônicas. Inclusive, a cidade muitas vezes é referenciada como sendo um gigantesco museu a céu aberto.

O domo da bela catedral de Santa Maria del Fiore é, reconhecidamente, o maior domo de alvenaria do mundo, bem como uma obra de arte atemporal.

Não deixe de passar pela histórica Ponte Vecchio, que corta o Rio Arno. A visão que você terá deste local ao entardecer será, sem dúvida, um cenário inesquecível. Descubra mais sobre a Ponte Vecchio neste outro artigo em nosso blog!

Outro ponto indispensável na cidade é a Galleria degli Uffizi, um palácio que abriga um dos museus mais antigos do mundo. O museu exibe verdadeiros tesouros da arte renascentista.

7. Cinque Terre

lugares mais bonitos da Itália - Faça viagens espetaculares pela Europa
Cinque Terre é um conjunto de vilas centenárias à beira-mar na acidentada costa da Riviera Italiana

Este belo local fica localizado em uma magnífica zona litorânea, repleta de cenários pitorescos e 5 pequenos vilarejos medievais: Riomaggiore, Manarola, Corniglia, Vernazza e Monterosso al Mare. Os vilarejos são banhados pelo golfo de Gênova, capital da região. Cinque Terre fica ao norte da Toscana, uma das zonas mediterrânicas mais intocadas da Ligúria e da Costa Tirrena. Esta região é também repleta de extensos vinhedos, como por exemplo os que são encontrados no distrito de Manarola. Não deixe de degustar os excelentes vinhos produzidos nesta região, que é um dos lugares mais bonitos da Itália.

Como não poderia deixar de ser, Cinque Terre oferece um número enorme de praias, que costumam agradar a todos os gostos. A maior praia da região e a preferida entre os turistas é Monterosso, além de ser a única na área que contém areia em sua faixa costeira. Grande parte das praias são cobertas por pedras, umas com pedras maiores, outras com pedrinhas pequenas e arredondadas.

Leia Mais:

8. Sicília

Faça viagens espetaculares pela Europa. Está buscando lugares para visitar na Itália? Fale com a Mar-Tha Rio
Sicília, a maior ilha do Mediterrâneo, fica perto da ponta da “bota”, que simboliza o formato da Itália

A Sicília, maior ilha do mar Mediterrâneo, é uma das regiões mais singulares de toda a Itália, rica em belezas naturais variadas e banhada por águas cristalinas. Palermo é a maior cidade da ilha, bem como sua capital.

A Sicília é muito famosa por conta de sua gastronomia, rica em frutos do mar, e que se apresenta com fortes influências gregas, espanholas, francesas, árabes e, claro, italianas. Inclusive, esta região é uma das que mais exportam azeite de oliva no mundo, e as oliveiras são tratadas pelo povo local com extremo respeito e admiração. A época da colheita das azeitonas é um momento de extrema celebração para o sicilianos. Descubra mais sobre a culinária italiana neste outro artigo.

Não deixe de conhecer o Vale dos Templos, que apresenta vestígios de uma série de templos gregos antigos, todos construídos no estilo dórico. Este sítio arqueológico, que fica em um cume de frente para o mar, é uma das principais atrações da Sicília.

9. Nápoles

um dos lugares mais bonitos da Itália - lugares para visitar na Itália
Nápoles fica próxima ao Monte Vesúvio, vulcão ativo que destruiu a cidade romana de Pompeia

Diferentemente da maioria das cidades italianas, Nápoles é uma cidade bem colorida e conta com uma personalidade própria. A região onde está localizado o Porto de Nápoles é o coração da cidade, e também é um dos lugares mais bonitos da Itália. Você pode passar horas caminhando pelos decks, enquanto observa o imponente Monte Vesúvio na paisagem ao fundo. O Porto de Nápoles é uma área vibrante, repleta de bares e restaurantes. Não deixe de se deliciar com as tradicionais pizzas napolitanas.

Conheça mais sobre a história de Nápoles e visite o Museu Arqueológico Nacional, que abriga uma extensa coleção de artefatos antigos, afrescos, mosaicos, esculturas de bronze, e muitas outras peças da época do Império Romano. Além disso, há no museu uma grande coleção de achados pertencentes à antiga cidade de Pompéia, que foi completamente destruída após a grande erupção do Vesúvio, em 79 d.C.

Aproveite também para conhecer o Castel Nuovo e suas 5 suntuosas torres de pedra, à beira da baía de Nápoles. É possível avistar este castelo de vários pontos da cidade. Localizado próximo à famosa Piazza del Plebiscito, o Castel Nuovo já foi residência de reis e é um dos principais locais históricos de Nápoles. É possível fazer um tour guiado pelo castelo e subir até o topo das torres para contemplar uma visão panorâmica de Nápoles e das regiões ao redor da cidade.

10. Verona

principais destinos turísticos da Itália
Os turistas podem aproveitar para explorar os outros cômodos da Casa da Julieta, em Verona

É inegável que Shakespeare imortalizou a cidade histórica de Verona no clássico literário Romeu e Julieta. Então, ao visitar a romântica Verona, siga a tradição e dê uma passada no museu Casa di Giulietta (Casa da Julieta) para ver de perto a famosa sacada que foi eternizada como sendo o local onde o casal apaixonado trocava juras de amor. É no jardim deste local que você poderá ver a famosa estátua de bronze que simboliza a personagem de Shakespeare. A estátua de Julieta, inclusive, é muito famosa por conceder sorte no amor àqueles que tocam seu seio direito. O interior do imóvel também pode ser visitado, e conta com vários trechos da história de Romeu e Julieta escritos pelas paredes, mobílias antigas, quadros, dentre outros ítens. A casa é uma construção do século 13 que, originalmente, pertenceu à família Dal Cappello.

Contudo, esta cidade italiana é repleta de outros locais interessantes. Nas colinas ao norte de Verona, por exemplo, você encontrará belíssimos vinhedos. A produção de diferentes estilos de vinhos de excelente qualidade e sabor já acontece nesta região há milênios. Inclusive, se você aprecia os vinhos italianos, poderá programar sua visita pela cidade durante a Vinitaly, uma das feiras de vinho mais importantes do planeta. A feira acontece anualmente em Verona, desde a sua primeira edição, em 1967. (Site oficial)

Acompanhe a Mar-Tha Rio nas redes sociais!

Mar-Tha Rio no Facebook

Mar-Tha rio no Instagram

Tagged
Leia mais
travessiatopo

Viagem de cruzeiro: como funcionam as travessias

Os cruzeiros transatlânticos oferecem travessias com os mais variados itinerários. Viajar em uma travessia é a oportunidade perfeita para aqueles que gostam de curtir todas as atrações disponíveis a bordo, como por exemplo cassinos, shows, eventos temáticos, espaços infantis, academias, piscinas exuberantes, restaurantes de alto padrão, bares e muito mais. Neste artigo, você ficará sabendo mais sobre como funcionam as travessias e porque esta viagem de cruzeiro é uma das mais procuradas.

Como funcionam as travessias transatlânticas?

As viagens que cruzam o oceano costumam ser mais longas (em geral, duas semanas), e você passará grande parte da viagem curtindo o navio, bem como todo conforto que uma viagem de cruzeiro possa lhe oferecer. Sem dúvida, não faltará diversão. Estes navios de cruzeiros transatlânticos são equipados com o que há de melhor em termos de tecnologia e entretenimento a bordo. Por isso, as travessias transatlânticas são a melhor escolha para quem busca relaxar, se desligar do mundo e viver momentos únicos.

Quando ocorre a temporada de cruzeiros de travessia?

É típico, por exemplo, que os os navios passem o verão na Europa e, com a chegada do inverno, cruzem o atlântico para aproveitar o verão no Hemisfério Sul. Ao terminar a temporada de cruzeiros no Brasil, os transatlânticos regressam à Europa em uma nova temporada, para passarem novamente o verão no Hemisfério Norte. Este processo ocorre para que os navios estejam sempre a postos nos destinos onde o verão se inicia.

As datas da temporada de travessias transatlânticas são:

– Travessias Europa-Brasil – de novembro a março

– Travessias Brasil-Europa – de março em diante

Por exemplo, na travessia do navio MSC Sinfonia Itália – Brasil, os passageiros embarcarão dia 23 de novembro de 2019 na cidade de Veneza em uma viagem de 19 noites, passando por lugares como MessinaNápolesCivitavecchiaBarcelona, Cádiz, Santa Cruz de Tenerife, para então, cruzarem o Atlântico e, finalmente, chegarem à costa brasileira.

Já na travessia do navio MSC Fantasia BrasilFrança, os passageiros partirão do Brasil dia 09 de março de 2020 rumo à França em uma viagem de 18 noites. O navio cruzará o Atlântico e, ao chegar na Europa, passará por lugares como Lisboa, Barcelona, Cádiz, até que finalmente realizará sua chegada ao porto de Marselha, na França.

Sugerimos que você acesse nosso site para conferir os roteiros completos e escolher a viagem de cruzeiro que melhor se adequa às suas expectativas.

Confira aqui todas as Travessias disponíveis no site da Mar-Tha Rio. Se preferir, fale agora mesmo com a nossa equipe de consultoras para obter informações detalhadas sobre nossas viagens, preços e condições de pagamento.

Quais são as maiores vantagens de viajar em um navio transatlântico?

Ao escolher passar suas férias em um transatlântico nesta época, você se surpreenderá com as vantagens, já que as viagens de travessia contam com ofertas incríveis. Inclusive, os preços destas viagens geralmente são ainda mais baratos do que viagens aéreas.

Sem dúvida, com tantas atividades e entretenimento para todas as idades, os cruzeiros transatlânticos são opções perfeitas para famílias, casais, amigos, bem como para viajantes que gostam de conhecer novas pessoas. Os transatlânticos contam com grandes espaços públicos e instalações otimizadas, para que sua experiência durante a viagem seja, acima de tudo, inesquecível.

Além disso, quem faz uma viagem deste tipo pode ter a certeza de poder contar sempre com o suporte oferecido pela equipe de profissionais do navio. Estes profissionais, extremamente dedicados e atenciosos, trabalham para que você esteja confortável e se sinta à vontade durante todo o percurso.

Leia mais:

 

Veja abaixo algumas imagens que mostram parte do que você poderá desfrutar ao viajar nestes navios luxuosos:

viagem de cruzeiro / cruzeiros transatlânticos

vantagens de viajar em um transatlântico durante uma travessia

aproveite todas as vantagens que uma Viagem de cruzeiro oferece

vantagens de viajar em um transatlântico durante uma travessia

travessia-cruzeiros transatlânticos

piscina navio viagem de cruzeiro / cruzeiros transatlânticos

Acompanhe a Mar-Tha Rio nas redes sociais!

Tagged
Leia mais
momentos especiais em lugares exóticos

Celebre momentos especiais em lugares exóticos

Celebrar momentos especiais em lugares exóticos é o desejo de muitas pessoas, principalmente casais que amam viajar. A cada dia, novas opções, algumas até mais intimistas, aparecem e se tornam verdadeiras tendências entre turistas do mundo todo. Com opções para todos os bolsos, pessoas que optam se casar, renovar os votos, celebrar bodas ou curtir a lua de mel em lugares exóticos e praias paradisíacas se surpreendem com a variedade de destinos pelo mundo que são perfeitos para cada ocasião. Inspire-se com estes destinos, aproveite nossas dicas e permita-se viver momentos realmente inesquecíveis!

África

casamento e lua de mel em lugares exóticos e praias paradisíacas

Alguns lugares exóticos da África são ideais para aqueles que gostam de novidades com um toque de excentricidade, seja para realizar um casamento ou curtir uma lua de mel bem romântica. Você pode, por exemplo escolher realizar sua cerimônia em praias paradisíacas, já que a costa africana é repleta delas. Destinos exóticos, como por exemplo as Ilhas Maurício, Seychelles, ou até mesmo Zanzibar são algumas das opções mais procuradas.

A Cidade do Cabo também é uma opção incrível para realizar cerimônias. A cidade fica localizada aos pés da montanha de Mesa, e conta com uma majestosa vista sobre a península do Cabo. Outra opção é realizar a cerimônia dentro do encantador Jardim Botânico de Kirstenbosch [site oficial], localizado a cerca de 13 km do centro da Cidade do Cabo. Tudo com direito a champanhe, carro de luxo, flores em arco e buquê de noiva, além dos certificados e do ministro para realizar o casamento.

Castelos na França

casamento em lugares exóticos na França

Nos arredores de Paris, no lindo Vale do Loire, você poderá optar por um casamento em um dos magníficos castelos da região. Geralmente, a cerimônia matrimonial ocorre no interior do castelo. Já a recepção geralmente ocorre nos belíssimos salões e jardins do palácio que escolher. Sem dúvida, uma celebração para pessoas que não abrem mão do luxo e da sofisticação.

Entretanto, a França conta com diversas outras regiões tão encantadoras quanto o Vale do Loire. A Riviera Francesa, por exemplo, ou até mesmo a região de Provence, contam com castelos extremamente glamurosos.

Central Park

celebrar momentos especiais no central park

Bem no coração de Manhattan, o Central Park oferece lindos cenários para um casamento inesquecível. Nova York é uma cidade onde os sonhos se realizam. Por isso, celebrar este momento especial na cidade mais cosmopolita do mundo nunca sai de moda. Pelo contrário, se casar em Nova York é cada dia mais uma tendência entre pessoas antenadas, que amam a atmosfera das grandes cidades. Sem dúvida, o Central Park é um dos lugares mais apaixonantes para eventos deste tipo.

O restaurante Boathouse [site oficial], por exemplo, oferece uma ótima estrutura para eventos, já que está localizado às margens do “The Lake” (o icônico lago do Central Park). Você irá vivenciar uma festa inesquecível, bem como uma lua de mel maravilhosa, em uma das cidades mais famosas do planeta.

Disney

celebrar momentos especiais na Disney

De fato, a Disney é um destes lugares exóticos ideais para quem sonha se casar como se estivesse em um conto de fadas. Para a magia ficar completa, a noiva poderá chegar em uma encantadora carruagem, e trocar alianças no Castelo da Bela Adormecida. Mas a Disney oferece outras opções, como por exemplo embarcar em um Cruzeiro Disney e celebrar momentos especiais em uma ilha privada. Certamente, cada minuto será inesquecível.

Leia mais:

Grécia

casamento e lua de mel em lugares exóticos e praias paradisíacas na Grécia

Além de ser um destino para muitas viagens de lua de mel, a Grécia também é um destes lugares exóticos e pode ser o cenário do seu casamento. A bela ilha de Santorini, com suas belas aldeias seculares no topo de suas escarpas, é o cenário perfeito para uma ocasião tão especial como esta. A cerimônia pode ser realizada em uma igreja tradicional, assim como em praias paradisíacas e aconchegantes. A Grécia realmente é o lugar ideal para casamentos elegantes e fotogênicos.

Índia

casamento-india

Os hindus acreditam que os casamentos são feitos no céu. Então, por que não trocar os votos com a pessoa amada em um cenário palaciano? A exuberância de um casamento realizado na Índia, principalmente em um palácio real, é fantástica. Por exemplo, você poderá optar fazer sua cerimônia no Palácio do Lago, considerado um dos hotéis mais românticos do mundo.

Poderá ainda escolher Jaipur, no luxuoso Hotel Oberoi, com cerimônia de benção realizada por um religioso hindu, bem como a tradicional troca de colares de flores entre o casal. Isso sem contar com a belíssima e tradicional pintura Mehndi, conhecida popularmente como tatuagem de henna, muito usada nas cerimônias de casamento.

Las Vegas

celebrar momentos especiais em las vegas

Mais conhecida pelos seus inúmeros cassinos, a cidade de Las Vegas também é muito procurada para casamentos rápidos, cerimônias em grandes hotéis ou em pequenas capelas. A mais famosa é a Little White Chapel. Outra opção é o Red Rock Canyon, um cenário de deserto nos arredores da cidade, no nascer ou no pôr do sol.

Por lá, você também poderá optar por uma cerimônia tendo Elvis “The King” como convidado especial ou ainda, celebrar um inusitado casamento no Harley Davidson Cafe.

Taiti

lua de mel e casamentos em lugares exóticos e praias paradisíacas na polinésia francesa

Os glamurosos casamentos realizados no Taiti, maior ilha da Polinésia Francesa, são baseados em rituais milenares e são, inclusive, muito populares entre celebridades. A noiva se veste com trajes de princesa da Polinésia, incluindo um pareô branco e flores na cabeça. Por outro lado, o noivo usa trajes taitianos tradicionais. A chegada do noivo ocorre em um barco típico da região (piroga), na praia onde a noiva, cortejada por damas de honra nativas, espera por ele. O sacerdote dá as boas-vindas e inicia a cerimônia. Depois, o casal é coberto de flores para, em seguida, brindar com champanhe servido em uma casca de coco.

A Polinésia Francesa é repleta de lugares exóticos e praias paradisíacas. Entretanto, você pode escolher uma cerimônia mais temática no teatro Tiki Village, em Moorea, ou ainda, em um dos diversos resorts cinco estrelas da região. Todos oferecem diferentes opções com trajes típicos para os noivos, flores, música, comida, bebida, e etc.

Viaje para lugares exóticos com a Mar-Tha Rio!

Confira nossas Viagens em Grupo e nossos pacotes de Viagens Nacionais e Viagens Internacionais. Quer uma viagem personalizada? Fale agora com a nossa equipe de consultoras usando o nosso telefone, chat, e-mail ou nos visitando pessoalmente. Teremos o maior prazer em te atender!

Tagged
Leia mais
toquio61859-45

O que fazer em Tóquio: a cidade-sede das Olimpíadas 2020

Tóquio é a grande tendência do turismo para 2020. A cosmopolita capital do Japão irá sediar um dos maiores e mais importantes eventos internacionais: os Jogos Olímpicos. Neste artigo, você vai ficar sabendo um pouco mais sobre o que fazer em Tóquio em termos de atrações turísticas e pontos de interesse, bem como encontrará dicas sobre como aproveitar a metrópole em cada estação do ano. Confira! 

O que fazer em Tóquio

vista de tóquio, cidade-sede das Olimpíadas 2020
No Mirante Tokyo City View você conseguirá ter uma visão privilegiada de toda a região metropolitana de Tóquio

Tóquio é uma das cidades mais movimentadas do planeta, e seu ritmo frenético parece nunca andar em marcha lenta. Atualmente, a região metropolitana de Tóquio abriga cerca de 37 milhões de pessoas. De fato, é a maior população urbana do planeta. A capital, sem dúvida, é a principal porta de entrada para o Japão, e oferece uma gama de contrastes. De um lado, luzes futuristas; por outro lado, ruas calmas de pedra que nos levam a templos, onde a principal atividade é a meditação. 

Um passeio imperdível é a visita ao Mirante Tokyo City View, localizado no 52º andar da Mori Tower. Este incrível observatório conta com duas áreas envidraçadas. Desta forma, você terá uma visão privilegiada de 360º de toda a área de Tóquio, bem como do magnífico Monte Fuji. O horário que mais atrai visitantes, sem dúvida, é durante o pôr-do-sol.

Confira nossas Viagens em Grupo para o Japão!

Outras atrações que você não pode perder: uma visita ao mundialmente famoso mercado de peixes Tsukiji ao amanhecer, bem como um passeio de barco pelo rio Sumida. São oferecidos pequenos cruzeiros, com itinerários variados. Os passeios costumam passar por diversas pontes e locais históricos. Ao final da tarde, você poderá vislumbrar os edifícios iluminados de Tóquio. Inclusive, um passeio pelo calçadão do rio Sumida é um excelente programa para se fazer à noite. A região é repleta de restaurantes, bem como bares com os famosos karaokês japoneses.

Transporte

mapa do metrô de Tóquio cidade-sede das Olimpíadas 2020
O mapa do Metrô de Tóquio contém informações em inglês, e é uma ferramenta muito útil para turistas em visita à cidade

Sem dúvida, o meio de transporte mais utilizado em Tóquio é o metrô. São 282 estações distribuídas em uma rede de cerca de 330 km de extensão. Todos os dias, milhares de turistas utilizam, principalmente, este meio de transporte para conhecer os principais pontos turísticos da cidade. Por este motivo, grande parte das informações também são disponibilizadas em inglês. Inclusive, atualmente, você também verá informações em inglês em placas de trânsito e de orientação. Então, não será difícil passear pela cidade, mesmo que você não saiba uma palavra em japonês.

Saiba como planejar uma viagem de férias e baixe nosso checklist de viagem. Ele irá ajudá-lo a não esquecer nenhum item essencial na hora de arrumar as malas para viajar.

Atrações culturais

A cidade abriga uma variedade riquíssima de atrações culturais. Por exemplo, o Museu Nacional de Tóquio, localizado no Parque Ueno, conta com 20 galerias repletas de artefatos com até 1.500 anos de pura história japonesa. O Parque Ueno, fundado em 1873, é um dos parques mais antigos de Tóquio. Você encontrará um grande número de museus neste local, além de vários monumentos, um zoológico e muito mais. Durante a primavera, por volta do final de março, milhares de pessoas costumam visitar o parque para apreciar a primeira florada da cerejeira (também chamada de sakura), bem como para celebrar o Hanami – costume tradicional japonês de contemplar a beleza das flores com festas ao ar livre.

Palácio Imperial

palácio imperial de tóquio, cidade-sede das Olimpíadas 2020
Ponte Nijubashi com o Palácio Imperial ao fundo

O Palácio Imperial de Tóquio, residência da família imperial, atrai milhares de turistas por conta de sua beleza e imponência. Os jardins do palácio ficam abertos para visitação durante todo o ano, e nenhum valor é cobrado para acessar esta área. O ponto mais fotografado e um dos símbolos do Palácio Imperial de Tóquio, sem dúvida, é a Ponte Nijubashi.

Tóquio: cidade-sede dos Jogos Olímpicos de 2020

Este grande evento acontecerá no segundo semestre de 2020. E a cidade-sede das Olimpíadas 2020 já está praticamente pronta para surpreender o mundo. O evento dos Jogos Olímpicos de 2020 em Tóquio, sem dúvida, será o mais inovador da história das Olimpíadas. Aproximadamente 4,5 milhões de pessoas são esperadas na cidade durante o período das Olimpíadas. Com o evento, os japoneses esperam receber todos os povos do mundo de braços abertos, oferecendo um ambiente que, de fato, celebre a unidade na diversidade.

Não fique de fora desta festa! Na Mar-Tha Rio você encontra várias opções de viagens em grupo para os Jogos Olímpicos de 2020 em Tóquio. Confira aqui nossas opções ou fale com a nossa equipe de consultoras usando o nosso telefone, chat, e-mail ou nos visitando pessoalmente.

O que fazer em Tóquio em cada estação do ano

Inverno

Meses: dezembro, janeiro, fevereiro

Temperatura média: 2 – 11º C

Parque dos Macacos de Jigokudani, localizado a oeste de Tóquio.
A melhor época para visitar o Parque Jigokudani é no inverno, já que os macacos raramente entram na fontes termais durante o verão

Dentre as infinitas opções de lazer em Tóquio, algumas só podem ser aproveitadas durante o inverno. As já tradicionais iluminações de inverno são um espetáculo à parte, e podem ser apreciadas por todos os lugares. Muitos turistas visitam o Japão entre os meses de dezembro e março para aproveitar as excelentes estações de esqui disponíveis por lá. Existem muitos resorts de esqui os quais podem ser acessados facilmente estando em Tóquio. Além disso, nas áreas centrais de Tóquio, você encontrará diversos rinks de patinação no gelo.

Entretanto, uma das atrações mais procuradas por turistas fica no Parque dos Macacos de Jigokudani, localizado na província de Nagano, a oeste de Tóquio. Milhares de macacos vivem no parque e, durante o inverno, estes animais protagonizam um verdadeiro show ao se banharem nas águas termais do parque. O percurso Tóquio – Nagano de trem leva cerca de 80 minutos. Você também poderá chegar até o local facilmente de ônibus ou de carro.

Existem alguns pratos sazonais recomendados para esta estação, como por exemplo o mochi (bolo de arroz). O famoso hot pot japonês – uma espécie de fondue com caldo quente e ingredientes frescos servidos à mesa – também é bem tradicional nesta época. Contudo, os caranguejos (kani, em japonês) são a iguaria mais procurada da estação. A cidade de Tóquio conta com alguns restaurantes especializados no prato, como por exemplo o Kaniminato Otemachi Branch, o Kanibugyo Shinjuku Higashiguchi Branch e o Gottsuo.

Outono

Meses: setembro, outubro, novembro

Temperatura média: 9 – 26º C

Avenida Ginkgo em Tóquio
As árvores de ginkgo biloba têm um grande significado na cultura japonesa, e simbolizam longevidade, esperança, superação e paz

O outono, para muitas pessoas, é considerado a melhor estação do ano para visitar Tóquio. O mar de folhas coloridas são a grande atração, não apenas em Tóquio, como também por todo o Japão. Os tradicionais Jardins Japoneses se tornam encantadores por conta dos tons quentes e alaranjados apresentados pela natureza, e muitos deles ficam abertos até tarde durante toda a estação. Além disso, diversos eventos acontecem nesta época, como por exemplo o halloween.

Porém, o evento mais popular em Tóquio durante o outono é o Meiji Jingu Gaien Ginkgo. O festival acontece na “Avenida Ginkgo”, mundialmente famosa por conta das majestosas árvores de Ginkgo Biloba. A rua e suas árvores se estendem por cerca de 300 metros, em duas vias. Além de apreciar a beleza do local, você irá se deliciar com diversas opções de street food (ou comida de rua), preparadas com ingredientes locais. O evento dura duas semanas, e mais de 1.8 milhões de pessoas visitam o local todos os anos.

E já que esta estação é descrita no Japão como “O Apetite de Outono”, os eventos gastronômicos são uma excelente oportunidade de conhecer mais sobre a culinária do país. O Tokyo Ramen Show é imperdível, assim como o Tokyo Wagyu Show.

Por outro lado, se você é o tipo de turista que adora viver experiências diferentes durante uma viagem, não perca o icônico Torneio de Sumô (a tradicional luta japonesa). Alguns eventos do tipo ocorrem ao longo do ano em Tóquio. Contudo, a temporada de setembro é a mais popular de todas.

Leia mais:

Verão

Meses: junho, julho, agosto

Temperatura média: 18 – 29º C

Hanabi Taikai (Festival de Fogos de Artifício) em Tóquio cidade-sede das olimpíadas 2020
Todos os anos, durante o verão, milhares de pessoas se reunem à beira de rios e praias para apreciar e fotografar o Hanabi Taikai (Festival de Fogos de Artifício)

Certamente, o verão é a estação mais empolgante do ano. A queima de fogos (Hanabi Taikai, em japonês) é um dos eventos mais populares, bem como o símbolo do verão japonês. Tóquio conta com vários eventos do tipo, incluindo a famosa queima de fogos no rio Sumida e a queima de fogos da Baía de Tóquio, com a Rainbow Bridge ao fundo.

Todos os eventos culturais e desfiles que celebram a estação são repletos de comidas típicas, assim como músicas e danças tradicionais. A atmosfera local se torna extremamente alegre e festiva. Não deixe de aproveitar os festivais de cerveja, que normalmente acontecem ao ar livre (jardins, terraços, etc) e duram o dia todo.

No Japão também existem diversos campos de flores magníficos, assim como os campos de lavanda de Provence, na França, e os campos de tulipas do Parque Keukenhof, na Holanda. Durante o verão acontecem muitos festivais de flores nos arredores de Tóquio. Então, se você aprecia a beleza e delicadeza das flores e está planejando viajar para Tóquio no verão, fica aqui a nossa dica!

Além dos festivais de verão, você também poderá aproveitar as belas praias japonesas próximas à Tóquio, como por exemplo Onjuku, Chigasaki, Shirahama e muito mais.

Primavera

Meses: março, abril, maio

Temperatura média: 5 – 21º C

cerejeiras em Tóquio cidade-sede das olimpíadas 2020
Aproveite a paisagem e faça um agradável passeio de barco em um dos parques da cidade

Sem dúvida, o florescer das cerejeiras japonesas (sakura) é o evento mais aguardado da primavera no Japão. Estas flores simbolizam, acima de tudo, alegria e beleza no país, e têm o poder de transformar as paisagens em um verdadeiro conto de fadas. No Japão, existem mais de 300 espécies diferentes de cerejeiras.

Como dissemos acima, contemplar a beleza das flores nesta época é a atividade mais popular entre os japoneses. E Tóquio conta com infinitas opções de festivais, onde os visitantes podem se deliciar com comidas e bebidas de dar água na boca enquanto apreciam toda a beleza das flores de cerejeira. Você encontrará por todos os lugares produtos inspirados nesta temática, incluindo chás, bebidas refrescantes, sobremesas e muito mais. Além disso, aproveite a primavera e experimente todos os tipos de sobremesas com morangos, a fruta mais abundante da estação.

Nesta época também se inicia a plantação de arroz pelo país, que é o alimento sagrado dos japoneses. Aproveite que os dias são, em geral, ensolarados e passe bons momentos relaxando, caminhando ou fazendo um piquenique em um dos diversos parques de Tóquio.

Saiba mais a respeito das regras sobre a validade dos passaportes brasileiros em nosso blog!

Para saber mais sobre o que fazer em Tóquio, a cidade-sede das Olimpíadas 2020, confira o video abaixo e comece desde já a planejar sua viagem!

 

Vídeo: gotokyo.org

 

Tagged
Leia mais
topo-budapeste-blog

Budapeste: o melhor destino turístico europeu de 2019

A cidade de Budapeste, capital da Hungria, foi eleita como o “Melhor Destino Europeu de 2019”, de acordo com o site European Best Destinations. A capital húngara concorreu com outras 14 cidades, dentre elas Braga, em Portugal, e Monte Isola, na Itália. Budapeste é, de fato, um destino turístico completo, e possui vários pontos turísticos famosos no mundo todo, como por exemplo o Castelo de Buda, o Prédio do Parlamento Húngaro e a Ponte das Correntes. Neste artigo, você ficará sabendo mais sobre esta cidade, que mantém o status de ser o principal centro financeiro, corporativo, mercantil e cultural da Hungria.

A cidade

Não foi por acaso que Budapeste foi escolhida como o melhor destino europeu de 2019. Dividida em duas partes (Buda e Peste) pelo rio Danúbio e fundada em 1873, a cidade oferece opções para todos os gostos. No lado de Buda, você encontrará diversas casas de banhos termais aos pés da bela Gellért Hill, uma colina de 235 m de altura. Além disso, Buda é o local onde está localizada a imponente Igreja de Matias – uma igreja católica romana construída por volta de 1015 – bem como o Palácio Real (também chamado de Castelo de Buda). Do outro lado da cidade, em Peste, você encontrará diversos museus, recheados de tesouros culturais e históricos.

Ponte das Correntes

Budapeste é o melhor destino europeu de 2019
A Ponte das Correntes é considerada uma obra-prima da arquitetura de Budapeste

Hoje, várias pontes ligam as duas metades da cidade. A mais famosa, sem dúvida, é a Ponte da Correntes, localizada na parte central da cidade. Foi inaugurada em 1849 e é considerada uma obra-prima da arquitetura de Budapeste. A ponte foi a primeira conexão permanente entre Buda e Peste, e representa um grande símbolo de progresso para o povo húngaro.

Dica: Saiba mais detalhes sobre a famosa Ponte das Correntes neste outro artigo em nosso site.

Arquitetura

A arquitetura da cidade conta com diferentes influências, com estilos que vão desde o barroco e o neoclássico, até a renomada Art Nouveau. Budapeste também é rica em arte urbana, que se equilibra de forma harmônica com as construções históricas do local.

Budapeste também ostenta um cenário cultural muito bem desenvolvido. Diversos eventos acontecem ao longo do ano, como por exemplo festivais internacionais, exibições de arte, concertos, bem como eventos esportivos. A Ópera Estatal Húngara, sem dúvida, é a maior e mais bela casa de ópera da cidade de Budapeste. Tours pelo local são organizados diariamente. Além disso, as visitas contam com guias que transmitem informações sobre a história do local em diferentes idiomas.

Basílica de São Estevão

A basílica é o segundo maior monumento da cidade, ficando atrás apenas do prédio do Parlamento Húngaro. Vários concertos ocorrem regularmente na basílica de São Estevão. A Santa Mão Direita (literalmente o punho de São Estevão) é uma das principais relíquias que existem no local.

Leia mais:

O prédio do Parlamento

vista noturna do prédio do parlamento húngaro, na cidade de Budapeste
Não deixe de fazer um passeio guiado pelas dependências do Parlamento

O prédio do Parlamento húngaro é uma construção gigantesca. Seu interior é repleto de grandes tesouros, como por exemplo a Coroa Sagrada de São Estevão. O Parlamento fica à beira do Danúbio, e próximo à Ponte das Correntes e à Ponte Margaret. Por estar bem no centro da cidade, o local é de fácil acesso.

Dica: Faça um tour guiado pelo prédio do Parlamento e finalize o passeio em um barco pelo rio Danúbio ao entardecer. Certamente será uma experiência inesquecível!

O Castelo de Buda

vista do Castelo de Buda à noite
Você terá uma visão panorâmica da cidade ao visitar o Bastião dos Pescadores, situado na colina do Castelo de Buda

O Castelo de Buda (Budai Vár) é uma das atrações mais populares da cidade. Em 1987, foi classificado pela UNESCO como Patrimônio da Humanidade. O castelo abriga diversos museus, como por exemplo a Galeria Nacional Húngara e o Museu da História de Budapeste.

Dica: Só finalize seu passeio pelo Castelo de Buda após ter experimentado uma deliciosa taça de vinho na romântica adega de pedra localizada no subterrâneo do castelo.

Ilha Margaret

A ilha margaret fica no coração da cidade de Budapeste, melhor destino europeu de 2019
O parque, localizado na ilha Margaret, é um dos locais de lazer preferidos entre os moradores locais

Budapeste também conta com um “coração verde”, que fica em uma pequena ilha no meio do Danúbio chamada Margaret. Este local é considerado um dos melhores parques urbanos da Europa, e é um esconderijo perfeito para fugir do ritmo frenético da cidade. A Ilha Margaret conta com uma extensa área verde, jardins floridos, árvores centenárias e muito mais.

Neste parque, você poderá fazer caminhadas relaxantes, visitar ruínas antigas e chafarizes musicais, bem como praticar esportes ao ar livre e até mesmo curtir um cinema. Absolutamente imperdível!

Vai viajar para a Europa (Espaço Schengen)? Seu passaporte precisa ter validade de pelo menos 3 meses a partir da data de retorno da viagem. Saiba mais a respeito das regras sobre a validade dos passaportes brasileiros em nosso blog!

Gastronomia

goulash, prato tradicional na hungria
O goulash húngaro é preparado à base de vitela, cebola e seu tempero mais característico: a páprica

A culinária húngara é fantástica, recheada de pratos de dar água na boca temperados na medida certa, além de sobremesas fantásticas. Inclusive, a páprica é um dos maiores símbolos da cozinha do país. Se delicie com o tradicional Goulash, mas vá além, já que Budapeste também é conhecida por oferecer opções mais modernas em seu cenário gastronômico. As famosas “comidas de rua” são feitas com ingredientes extremamente frescos e produzidos localmente. Contudo, Budapeste também oferece opções mais sofisticadas e muitos restaurantes ostentam as desejadas estrelas Michelin.

A reputação de Budapeste como “capital gastronômica” não é novidade, já que este reconhecimento ocorre desde o século 19. Inclusive, não deixe de saborear os saborosos vinhos húngaros, como por exemplo os tintos complexos, os brancos frescos e secos, bem como o mundialmente famoso Tokaj, que tem um doce sabor de mel.

Não deixe de visitar o Grande Mercado de Budapeste. No local você encontrará uma enorme variedade de produtos locais. Aproveite para almoçar em um dos diversos restaurantes que se encontram no 2º piso do pavilhão.

Fontes termais

caas de banho em Budapeste, melhor destino europeu de 2019
As casas de banho, que contam com águas aquecidas na medida certa, também são muito frequentadas durante o inverno

O melhor destino europeu de 2019 conta com muitas fontes termais, populares desde a época dos Romanos. Existem vários spas e casas de banho (cerca de 50 ao longo da cidade), cada um com um estilo próprio. Muitas pessoas vão em busca de relaxamento, enquanto outras vão atrás, principalmente, do poder de cura dos minerais presentes nestas águas terapêuticas.

Budapeste, inclusive, é apelidada de “cidade das águas curativas”. Acredita-se que estas águas tenham o poder de ajudar no processo de rejuvenescimento, bem como no aumento da disposição física e mental. Sem dúvida, é impossível visitar Budapeste e não incluir esta experiência em seu roteiro. Então, aproveite a cidade e suas águas ao máximo!

Saiba como planejar uma viagem de férias e baixe nosso checklist de viagem. Ele irá ajudá-lo a não esquecer nenhum item essencial na hora de arrumar as malas para viajar.

Budapeste, capital da Hungria, é a cidade mais populosa e principal centro financeiro, corporativo, mercantil e cultural do país. Foi fundada em 1873, após a fusão das cidades de Buda e Peste, ambas localizadas às margens do Danúbio. Hoje, várias pontes ligam as duas metades da cidade. A mais famosa, sem dúvida, é a Ponte da Correntes, localizada na parte central da cidade. Foi inaugurada em 1849 e é considerada uma obra-prima da arquitetura de Budapeste.O Rio Danúbio é importante não somente para a cidade de Budapeste, como também para todo o país, já que o mesmo corta o território da Hungria de norte a sul. O Castelo de Buda (Budai Vár) é uma das atrações mais populares da cidade. Em 1987, foi classificado pela UNESCO como Patrimônio da Humanidade. O local abriga diversos museus, como a Galeria Nacional Húngara e o Museu da História de Budapeste.A Ópera Estatal Húngara é a maior e mais bela casa de ópera da cidade. Tours pelo local são organizados diariamente.Um destino apaixonante onde você vai querer voltar várias vezes. Ficou com vontade de conhecer ou retornar? A Mar-Tha Rio Viagens e Turismo te leva. Temos várias opções de pacotes incluindo Budapeste, muitas em até 10X sem juros. Consulte-nos! Ligue (21)2545-2599 e veja todas as opções que temos pra você! https://marthario.com.br/destino/budapeste/Gosta de viajar? Então curta a nossa fanpage https://www.facebook.com/martharioviagens, marque e compartilhe nossa página com seus amigos, siga-nos no https://www.instagram.com/martharioviagens/ e receba outras dicas.#marthario #viagens #viagemeturismo #viajarfazbem #amoviajar #turismo #viagemperfeita #trip #dicasdeviagem #ferias #euamoviajar #viajaretudodebom #loucosporviagem #viajarepreciso #destinosimperdiveis #natureza #viajando #viajareviver #prefiroviajar #dicadeviagem #cultura #brasileirosporai #melhoresdestinos #viagensincriveis #queroviajarmais #pelomundo #queroferiasagora #viajantes #viagemdossonhos #viagensdeluxo

Posted by Mar-Tha Rio Viagens e Turismo on Friday, May 10, 2019

Vídeo: PlacesAll.com

Para conhecer este e outros destinos, viaje com a Mar-Tha Rio!

Quer conhecer o melhor destino europeu de 2019? A Mar-Tha Rio te leva! Conheça nossas Viagens em Grupo para a Europa. Na Mar-Tha Rio você encontra passagens aéreas, pacotes de viagens, excursões, viagens em grupo, hotéis, cruzeiros e muito mais. Quer uma viagem personalizada? Fale agora com a nossa equipe de consultoras usando o nosso telefone, chat, e-mail ou nos visitando pessoalmente. Teremos o maior prazer em te atender!

Tagged
Leia mais
planejamento-viagem

Como planejar uma viagem de férias

Se você está buscando dicas práticas sobre como planejar uma viagem de férias, você está no lugar certo! Seja uma viagem nacional ou uma viagem internacional para a Europa, Estados Unidos ou qualquer outro lugar do mundo, planejar uma viagem de férias não precisa se tornar uma fonte de ansiedade constante e sobrecarga. Neste artigo, preparamos 15 dicas bem simples que te ajudarão a não ser um viajante desavisado, evitando confusões de última hora. Antes de qualquer coisa, procure uma agência de viagens de sua confiança, que conte com profissionais aptos a lhe passar as melhores dicas sobre a melhor época, o melhor voo, os hotéis com o melhor custo-benefício e etc.

A Mar-Tha Rio é a agência de viagens mais premiada do Rio de Janeiro, com pacotes exclusivos e cruzeiros para qualquer perfil de viajante. Proporcionamos experiências fascinantes, levando turistas todos os anos para viagens exóticas, destinos tradicionais, capitais mundiais, parques aquáticos, museus históricos e os principais pontos turísticos que existem no mundo. Se você quer confiança para viajar e uma equipe treinada para oferecer todo o suporte que você precisar, 24 horas por dia, 7 dias por semana, fale com uma de nossas consultoras agora mesmo.

Antes de conferir nossas dicas sobre como planejar uma viagem de férias, baixe aqui nosso checklist de viagem. Ele irá ajudá-lo a não esquecer nenhum item essencial na hora de arrumar as malas para viajar.

Como planejar uma viagem de férias

planejamento
Ao decidir viajar, ter um bom planejamento pode fazer toda a diferença

Muitas pessoas acham que fazendo reserva direto pela internet vão conseguir maiores vantagens. Sem dúvida, este é o maior erro cometido por viajantes inexperientes. Usar o serviço de um profissional fará com que você evite despesas extras, principalmente por conta de pequenos erros que cometemos ao fazer uma reserva online. Leve o que você encontrar na internet ao seu agente de viagens e veja se ele tem algo melhor para lhe oferecer.

É importante saber como planejar uma viagem de férias com uma certa antecedência. Desta forma, você conseguirá melhores preços, melhores acomodações e melhores voos. Sem dúvida, quanto antes você se organizar, maiores serão as vantagens. Inclusive, em casos de viagens em grupo, é preciso garantir sua reserva para não ter o dissabor de encontrar o tour lotado. Agora, vamos às dicas:

1) Acessórios

Você certamente irá querer registrar vários momentos de sua viagem. Por isso, não esqueça de levar sua câmera, assim como carregadores, cartões de memória e adaptadores de tomadas. Além disso, é conveniente levar sempre seu próprio adaptador, pois normalmente nos hotéis existem poucos e você pode acabar não conseguindo arrumar um de última hora.

2) Bagagem

Escolha uma mala de preferência com quatro rodas, o que irá facilitar bastante sua locomoção. Prefira também as mais leves e duras, pois acomodam melhor os seus objetos de uso pessoal. A maioria das companhias aéreas nos trechos internacionais permitem duas malas de 32 quilos por pessoa. Porém, dependendo do trecho ou da companhia aérea, o limite pode ser de apenas uma mala com 20 quilos por pessoa. Procure se informar para não ter que pagar excesso de peso. Leve sempre uma pequena bagagem de mão com uma muda de roupa, escova de dentes e principais medicamentos de uso diário para previnir algum contratempo.

Dica: dependendo do seu destino, leve uma mala mais antiga e troque por uma outra mais moderna por um excelente preço!

3) Celular

Quando você for viajar para fora o país, tenha o cuidado de consultar sua operadora, pois através de parceiros locais, elas podem disponibilizar o serviço de roaming internacional. É preciso contratar este serviço antes de sua viagem e as taxas variam de acordo com a operadora do seu celular.

4) Dinheiro

Dinheiro trocado é bom para os gastos iniciais e também para despesas menores. O cartão de crédito vai lhe custar o pagamento de IOF, assim como os cartões de débito “pré-pago”, os quais podem ser adquiridos em diferentes moedas.

5) Documentos de viagem

Antes de seguir para o aeroporto, verifique se está de posse de toda a documentação necessária, como por exemplo passagem, passaporte (ou identidade para voos internos no Brasil), voucher de hotel e etc. Leve também uma cópia dos seus documentos, tais como passaporte, vistos, vacina e passagem aérea, para usar em caso de necessidade. Para os países do Mercosul é facultado ao brasileiro o uso de carteira de identidade. Entretanto, o documento precisa estar em perfeito estado e com menos de dez anos de emissão.

LEIA MAIS:

6) Hotel

O que é mais importante: conforto ou localização? A partir do momento em que você atinge o seu conforto pessoal, a localização passa a ser o mais importante. Sem dúvida, é melhor estar em um hotel mais simples em uma boa localização, do que em um hotel de luxo em um lugar de difícil acesso. Você só irá gastar mais dinheiro em sua locomoção.

7) Identificação e extravio de bagagens

Identifique sempre a sua bagagem com etiquetas com nome, endereço e telefones legíveis. Algumas pessoas usam até mesmo fitas coloridas para facilitar a identificação. Não se esqueça de trancar a sua mala, pois esta é uma boa maneira de ajudar a proteger a sua bagagem. Caso se esqueça, você poderá pedir para a companhia aérea colocar um lacre no balcão do check-in. Em caso de extravio de bagagem, o mesmo deverá ser comunicado imediatamente à empresa ainda na área de desembarque. A companhia aérea vai lhe dar um comprovante de atendimento, que é a sua garantia.

8) Internet

Dependendo do local para onde você for, é possível utilizar a internet sem custo, via Wi-Fi. Hoje em dia a maioria dos lugares, como por exemplo restaurantes, shoppings e hotéis possuem este serviço, e para usá-lo, basta solicitar a senha de acesso.

9) Passaporte

Não deixe para a última hora! Quando for comprar sua viagem, procure providenciar também o passaporte ou, se for o caso, renová-lo. Hoje, para a Europa, a validade mínima do passaporte é de três meses. Para a maioria dos lugares,validade mínima é de seis meses. Além disso, para cruzeiros marítimos, por exemplo, o embarque só é permitido com passaportes válidos até seis meses da data de embarque.

10) Remédios

Os de uso contínuo (é bom levar junto a receita médica), o seu colírio, acessórios para lentes de contato, analgésico, antialérgico, digestivo, repelente (caso o destino recomende), filtro solar, um boné e também protetor labial. Em muitos países, medicamentos que adquirimos no Brasil sem receita não são comercializados sem o pedido médico.

11) Telefone

Um outro erro cometido por viajantes é usar o serviço telefônico do hotel onde está hospedado. As taxas costumam ser abusivas. Então, evite usar o telefone do quarto do seu hotel, principalmente para chamadas para o Brasil. Se precisar fazer uma ligação, prefira um cartão pré-pago, que pode ser adquirido em multinacionais de telecomunicação em todo o mundo, normalmente nos aeroportos. Ou então, utilize aplicativos no seu celular que permitam ligações através da internet, como por exemplo WhatsApp, Skype, Messenger, e muitos outros do tipo.

12) Vacinas

Alguns países exigem o certificado de vacina, como por exemplo a de febre amarela. A mesma pode ser tomada em qualquer posto de saúde. Depois, guarde o certificado de vacinação, pois ele será o seu comprovante para solicitar o Certificado Internacional de Vacinação. Inclusive, a vacina contra febre amarela precisa ser tomada até no máximo dez dias antes da viagem. Sua validade é de dez anos. Para mais informações, acesse o site oficial da ANVISA (link).

13) Vestuário

O ideal são sapatos bem confortáveis, nada de sapato novo, e roupas práticas e leves. No verão, leve sempre um casaco mais leve para não ter surpresas. Nunca se sabe! Por outro lado, no inverno, leve roupas térmicas que são leves e se adequam à temperatura local. Se estiver muito frio, leve também um bom casaco e coloque por cima de outras roupas. Não se esqueça que a maioria dos lugares fechados contam com calefação.

14) Viajando com menores

Se for viajar com menores de idade para o exterior, será necessário apresentar, além do passaporte, a carteira de identidade ou certidão de nascimento do menor, já que os passaportes mais novos não trazem filiação. Menores desacompanhados ou acompanhados de parentes necessitam da autorização do juizado de menores com a assinatura dos pais reconhecida em cartório.

15) Vistos

Dependendo do destino, o visto de entrada pode demorar até um mês para ser emitido. Então, é importante ficar muito atento aos prazos. Entretanto, existem empresas de confiança que realizam este tipo de serviço. Procure se informar com o seu agente de viagens.

Como planejar uma viagem de férias
O melhor momento para começar a planejar uma viagem é agora

Agora que você já está por dentro de nossas dicas sobre como planejar uma viagem de férias, você certamente se sentirá mais relaxado e poderá aproveitar sua viagem da melhor forma possível: do seu jeito. Planeje sua viagem e faça acontecer!

Quais são as suas dicas infalíveis sobre como planejar uma viagem de férias? Acompanhe a Mar-Tha Rio nas redes sociais e deixe seu comentário!

Tagged
Leia mais
topo-provence

Viaje por Provence e seus belos campos de lavanda

Os campos de lavanda de Provence, região localizada na parte sudeste da França, parecem ter saído de um livro de conto de fadas. Da mesma forma, milhares de girassóis, vinhedos e oliveiras fazem desta região francesa um verdadeiro oásis, principalmente para aqueles que apreciam belas paisagens e atrações ao ar livre. As paisagens rurais de Provence, repletas de vilarejos (as famosas “villas”) que se estendem ao longo de inúmeras colinas, são encantadoras.

Sem dúvida, quem visita a região de Provence, consegue captar o melhor da essência francesa. O clima é formidável, assim como os aromas, sabores e cores. Não é surpresa que a beleza de Provence tenha inspirado tantos artistas, tais como Cézanne, Van Gogh e Picasso. 

campos rurais e vilarejos de provence
As belas paisagens dos vilarejos de Provence sempre serviram de inspiração para artistas renomados

Provence compreende cinco municípios: Vaucluse, Bouhes-du-Rhone, Var, Alpes-Maritime, e Alps-de-Haute-Provence.

Quando falamos sobre Provence, também vale mencionar as magníficas praias desta região francesa. Se você gosta de esportes e atividades aquáticas, irá adorar as praias de Cannes, St Tropez, Antibes, Nice, Mônaco e Juan-les-Pins. Não é por acaso que Provence é reconhecida como uma das mais inigualáveis e interessantes regiões da França, principalmente durante o verão. Inclusive, o cânion mais profundo da Europa fica em Provence. Chamado de Gorges du Verdon, este fascinante cânion, formado no rio Verdon, possui mais de 700 metros de profundidade. 

vista aérea do Gorges du Verdon
Principalmente durante o verão, muitos turistas alugam caiaques para passear pelo rio Verdon

Uma viagem ao longo desta região da França revela, acima de tudo, uma quantidade incrível de lugares para conhecer. Você poderá visitar, por exemplo, ruínas Romanas majestosas, museus, galerias de arte que exibem trabalhos de pintores famosos, mansões e jardins históricos, castelos medievais, cavernas pré-históricas, reservas florestais, vinícolas e vinhedos ancestrais, e muito mais.

As 10 cidades mais visitadas em Provence são:

Avignon

Arles

Roussillon

Gordes

Nice

Toulon

Marselha

Cannes

• Menton

Aix-en-Provence

pont du gard no coração de provence
Construída por volta do século I a.C., a Pont du Gard é uma construção Romana, localizada na cidade de Nîmes

 

Vai viajar para a Europa (Espaço Schengen)? Seu passaporte precisa ter validade de pelo menos 3 meses a partir da data de retorno da viagem. Saiba mais a respeito das regras sobre a validade dos passaportes brasileiros em nosso blog!

Culinária

As cidades que ficam na região da Provence são muito procuradas por admiradores da boa gastronomia, e a oferta de restaurantes sofisticados por lá é imensa. Sem dúvida, a gastronomia provençal é motivo de muito orgulho para a França, além de ser reconhecida e muito apreciada pela Europa e em todo o mundo. Entretanto, não é necessário ir até um requintado restaurante com estrelas Michelin para experimentar maravilhosas iguarias locais.

azeitonas produzidas em provence
Graças à qualidade das azeitonas de Provence, o azeite provençal se tornou mundialmente famoso pela sua qualidade e seu sabor

Você poderá experimentar, principalmente, deliciosos frutos do mar cozidos de forma rústica, em fogueiras. Um dos pratos mais tradicionais, sem dúvida, é o polvo assado na brasa. Os vinhos produzidos na região também são fantásticos. Inclusive, o vinho é um dos produtos mais importantes de Provence, e vem sendo produzido na região há pelo menos 2.600 anos. Os tradicionais vinhos de Provence são os rosados secos e doces, bem como os tintos mais encorpados.

O doce mais tradicional de Provence é o torrone, que na França é chamado de nougat. Esta delícia é feita da mesma forma há séculos, ou seja, artesanalmente. De acordo com os produtores locais, o mel produzido na região é o principal detalhe que faz com que o nougat de Provence seja tão diferenciado. Inclusive, Provence conta com muitos apiários, e você encontrará mel da melhor qualidade.

Eventos

Provence possui um calendário de eventos bem movimentado ao longo do ano. Eventos como por exemplo exibições de arte, feiras com produtos locais, festivais culturais e eventos musicais atraem milhares de turistas de todas as partes do mundo para Provence. Sem dúvida, o evento que mais atrai os olhares da mídia internacional é o Festival de Cannes (site oficial).

Leia mais:

Os famosos campos de lavanda

Nada simboliza tão bem Provence como os vastos campos de lavanda e os vilarejos desta região francesa. Inclusive, as lavandas de Provence estão entre as melhores do mundo – e certamente entre as mais famosas também.

Os campos perfumados de lavanda são o grande orgulho local, bem como uma das principais razões que levam turistas do mundo todo para conhecer Provence. As melhores áreas para apreciar belíssimos campos de lavanda em Provence são: Valensole, Sault e Luberon.

campos de lavanda
A lavanda é um dos maiores símbolos de Provence

Valensole

O planalto de Valensole é famoso no mundo todo por seus campos de lavanda. Entretanto, o lugar também é repleto de campos dourados de girassóis, charmosos vilarejos no melhor estilo provençal, além de lindos lagos de cor azul turquesa. Todos estes detalhes fazem de Valensole o destino mais procurado por turistas, bem como o mais fotogênico.

Sault

O vilarejo amuralhado de Sault fica encravado em um cume, localizado entre uma densa floresta e um vale agrícola. Sem dúvida, vale muito a pena conhecer a região. Ao passar pela estrada que te leva até esta região, você verá imensos campos de lavanda. Em Sault, a produção de lavanda acontece em grande escala. Alocados de uma forma mais concentrada, se compararmos com os campos de Valensole, os campos de lavanda de Sault são perfeitos principalmente para um passeio de bicicleta ou mesmo a pé.

Luberon

O vale de Luberon é uma área onde belíssimos vilarejos se estendem até o topo das colinas, integrando-se com o cenário pitoresco da região. Essencialmente, é o local perfeito para conhecer a “real” Provence. Os campos de lavanda do vale de Luberon não são tão concentrados como os de Valensole e Sault. Porém, a região ostenta alguns dos campos de lavanda mais icônicos de toda a Provence. É lá que você encontrará a famosa Abadia de Sénanque, localizada nas proximidades de Gordes. A abadia, fundada em 1148, parece flutuar sobre um magnífico campo de lavanda.

Abadia de Sénanque e campos de lavanda
A Abadia de Sénanque é um dos ícones de Provence, e fica próxima ao vilarejo de Gordes

Dica: Ao visitar os campos de lavanda em Provence, lembre-se sempre que os campos são propriedades privadas. Recomenda-se não pisar nos arbustos, bem como não arrancar as flores. 

Como chegar e onde ficar em Provence

Provence é uma região extremamente vasta na França, dividida por áreas desde a pacata Luberon até a badalada Riviera e seus destinos costeiros. Todas estas áreas oferecem ótimas e variadas opções de hospedagem, como por exemplo em hotéis, villas (vilarejos), spas e refúgios em áreas rurais.

Provence é servida por dois grandes aeroportos – o de Nice e o de Marselha. Além disso, há também um aeroporto menor em Avignon, que oferece voos suplementares e sazonais. Há ainda conexões em trens que passam pela maioria das cidades provençais.

Comece a planejar desde já uma fantástica viagem pela França. Temos várias opções de pacotes de viagens, viagens em grupo, cruzeiros e muito mais!

Melhor época para visitar Provence

Durante o verão, que em geral é quente e seco, os vilarejos de Provence ficam repletos de turistas. Deste modo, a combinação de dias ensolarados com um grande volume de pessoas pode acabar se tornando uma situação desconfortável para algumas pessoas. Por outro lado, durante o inverno, o clima fica bem mais ameno. Contudo, as chuvas não são incomuns, e pode ventar bastante nesta época.

Se você viajar para Provence entre maio e junho, poderá aproveitar para ver os campos de lavanda florescendo, bem como os icônicos girassóis que se espalham por todos os lugares. Já se você optar viajar para Provence entre setembro e outubro, irá aproveitar temperaturas agradáveis, bem como um menor volume de pessoas nos vilarejos da região.

Guia rápido sobre os campos de lavanda de Provence:

Junho: a grande maioria dos campos de lavanda estará florescendo a partir da 2ª quinzena de junho. Entretanto, os campos de lavanda localizados em regiões mais altas, em geral, são os últimos a florescer.

Julho (1ª quinzena): o começo do mês de julho é a melhor época para ver toda a região coberta de lavandas. Porém, como é de se esperar, o volume de pessoas na região é bastante intenso.

Julho (2ª quinzena): após o 15º dia do mês, as lavandas começam a ser colhidas. Contudo, algumas áreas de Provence só iniciam a colheita das flores no final do mês.

Agosto: por fim, agosto é o mês que fecha a temporada das lavandas. Porém, com sorte, você ainda encontrará alguns campos floridos ao longo da região.

Veja abaixo os encantadores campos de lavanda de Provence e aprecie toda a beleza deste lugar mágico:

(vídeo: © Dennis Schmelz)

Tagged
Leia mais
gorjeta no exterior

Entenda tudo sobre gorjetas no exterior

Quando se trata de gorjetas no exterior, muitos brasileiros acabam ficando com dúvidas sobre a melhor forma de agir. Apesar de não ser uma prática tão comum no Brasil, é normal vermos turistas dando gorjetas no exterior, e até os garçons esperam por isso. Mas quando não temos muito conhecimento sobre a cultura local, seus costumes e hábitos, podemos acabar nos precipitando pagando mais que o normal, assim como deixando o garçom furioso com uma gorjeta magra.

E aí fica a pergunta: em que situação devemos oferecer gorjetas quando fazemos uma viagem para o exterior? Pensando nisso, separamos dicas interessantes sobre como as gorjetas são vistas em alguns países pelo mundo. Confira!

taxa de serviço embutida no valor final da conta
Fique sempre atento, pois muitos estabelecimentos já colocam a taxa de serviço embutida no valor final da conta

Gorjetas no exterior

Durante uma viagem, tenha sempre em mente que ao oferecer gorjetas no exterior em uma moeda que não é a do país, você acabará dando trabalho para a pessoa que está recebendo o valor, pois ela precisará trocar o dinheiro para a moeda local. Além disso, a pessoa certamente perderá dinheiro pagando algum imposto por conta da conversão entre moedas.

Na lista abaixo, separamos algumas “dicas de ouro” sobre como as gorjetas são consideradas em certos países. É importante sermos criteriosos, pois costumes e comportamentos diferentes podem causar certa confusão.

Estados Unidos /CanadáAustrália

Nestes países, a prática de dar gorjetas é bem parecida, já que a taxa do serviço (conhecido aqui no Brasil como os 10%) não vem incluído nas contas de bares e restaurantes. Desta forma, o garçom já parte do pressuposto que você deixará uma gorjeta para ele, principalmente se você foi bem atendido. A mesma regra serve para taxistas e serviços de hotel. Entretanto, a única diferença é que no Canadá o valor da gorjeta já virá incluído na conta caso você esteja com um grupo grande de pessoas.

México

Geralmente, taxas de serviço não são incluídas na conta dos restaurantes, embora isso possa variar dependendo da localidade. As pessoas costumam oferecer de 10 a 15% do valor da nota como gorjeta, que é chamada de “propina” no país. O curioso é que os mexicanos ficarão extremamente satisfeitos se você pagar gorjetas em dólar.

Argentina

Os “hermanos” que recebem gorjetas irão preferir a moeda local. A regra dos 10% embutidos na conta raramente é vista nos restaurantes, assim como não há um valor padrão determinado para gorjetas. De modo geral, uma gorjeta “justa” equivale aos 10% do que foi consumido. A escolha é totalmente sua.

Reino Unido

Seja na Irlanda do Norte, no País de Gales ou na Escócia, o valor da gorjeta normalmente já vem embutido na conta. Contudo, caso não esteja escrito na sua nota fiscal “gorjeta opcional”, isto irá significar que não é preciso dar gorjeta neste estabelecimento. Vale lembrar que nos pubs da Inglaterra, a prática de dar gorjetas não é comum.

Suíça

Prepare o bolso na hora de dar gorjetas no exterior, principalmente na Suíça. Além de ser uma regra a cobrança de 15% sobre o valor da conta, é normal que garçons recebam gorjetas, especialmente em lugares considerados mais requintados.

Alemanha

Na capital mundial da cerveja ninguém é obrigado a dar gorjetas. Os alemães costumam arredondar a conta para cima. Quem decide se vai dar a gorjeta e quanto será pago é você. Porém, não pense em outra moeda que não seja euro. Além disso, é importante informar ao garçom sobre o valor que você está dando de gorjeta antes de fechar a conta.

França

Os franceses costumam dar 10% de gorjeta sempre que recebem a conta para pagar. Porém, os garçons da França só esperam receber gorjeta dos turistas caso o serviço prestado por eles tenha sido excelente.

Itália

Na Itália as regras de gorjeta não são diferentes das brasileiras. É comum deixar 10% de gorjeta – e não mais do que isso – por toda a região. Só um detalhe: em Veneza os gondoleiros não esperam gorjeta dos passageiros.

Suécia

A taxa de serviço normalmente já virá incluída na conta. Caso não seja cobrada na conta, não há a necessidade de dar gorjeta. Porém, é de costume que as pessoas arredondem a conta para cima. Se o serviço prestado foi excelente e realmente te impressionou, você poderá deixar 10% de gorjeta.

Turquia

Nos restaurantes turcos você poderá escolher a moeda, desde que pague 10% ou mais como gorjeta nos restaurantes em dinheiro.

Grécia

As contas dos restaurantes já vêm com uma taxa de serviço de 16%, e dar gorjetas não é necessário. Se você ficou extremamente satisfeito com o serviço, você pode optar arredondar sua conta para cima.

Índia

Em lugares mais humildes, algumas rúpias como gorjeta é muito bem visto. Isso porque na grande maioria dos estabelecimentos indianos não há o costume de incluir os 10% na conta.

Coréia do Sul

Gorjetas nunca são esperadas nos restaurantes coreanos. Por outro lado, carregadores de bagagem em hotéis estão habituados a receber um dólar por cada bagagem carregada.

ChinaJapão

Nos dois países as “regras” são semelhantes, já que em nenhum dos dois os garçons esperam receber gorjetas. As excessões são os lugares mais nobres onde tanto japoneses quanto chineses aceitam tips, mas só em moeda local.

Egito

A gorjeta geralmente já vem incluída na conta dos restaurantes e bares. Contudo, sempre que possível, adicione 5% ou 10% ao valor, já que a taxa de serviço incluída na conta geralmente vai para o dono do estabelecimento, e não para o garçom.

Marrocos

No Marrocos, o serviço muitas vezes já estará embutido na conta, mas caso não esteja, oferecer 10% de gorjeta é considerado um ato de generosidade. Contudo, se o serviço prestado foi ineficiente, não inclua nenhum valor adicional.

Espanha

Os espanhóis costumam oferecer gorjetas mais modestas, como trocos ou arredondando o valor da conta para cima. Por isso, se você ficou feliz com o atendimento, você poderá ficar à vontade para oferecer 1 euro como gorjeta.

Tailândia

Gorjetas não são comuns nos estabelecimentos tailandeses. Entretanto, se você considerar que o serviço recebido foi excelente, você poderá oferecer de 5 a 10% do valor da conta como gorjeta para quem lhe atendeu.

Dubai 

Em Dubai, a cobrança de 10% da taxa de serviço que aparece na nota não irá para a pessoa que lhe atendeu. Você pode optar pagar ou não a taxa de serviço, bem como direcionar sua gorjeta de 10% para o garçom. Em todo o caso, utilize sempre a moeda local quando for oferecer gorjetas.

Rússia

Geralmente se oferece 10% do valor da conta em gorjeta. Porém, você precisará entregar o dinheiro diretamente para a pessoa que lhe serviu. Se você simplesmente deixar a gorjeta em cima da mesa, provavelmente o valor irá para o gerente do estabelecimento.

Croácia

Na Croácia, ofereça gorjetas de acordo com o valor de sua conta. É comum que clientes deixem o valor do troco quando tomam apenas um café ou outra bebida. Em restaurantes que oferecem jantares mais casuais, sua gorjeta poderá ser de 3 a 5 % do valor da conta. Se estiver em um estabelecimento mais requintado, deixar de 10 a 15% de gorjeta é muito bem visto.

dicas sobre gorjetas no exterior
Apesar de não ser uma prática tão comum no Brasil, é normal vermos turistas dando gorjetas no exterior

Leia Mais:

Exagerando nas gorjetas

A única situação que pode ser mal interpretada, se tratando de gorjetas no exterior, é quando um funcionário confunde gorjeta com suborno. Pode parecer estranho, mas acontece! 

Para evitar este tipo de situação, o ideal é não exagerar na gorjeta, bem como só oferecê-la depois que o serviço prestado for finalizado. Afinal, você não paga gorjeta para que tenha um bom serviço, mas sim, para prestigiar um bom atendimento. 

Quando você pode evitar as gorjetas no exterior

Em casos de restaurantes ou outros estabelecimentos que já colocam a taxa de serviço embutida no valor final da conta, é aceitável não dar gorjetas. Contudo, muitas pessoas têm por costume arredondar para cima o valor final da conta. Já quando um cliente paga sua conta com cartão de crédito, geralmente não há a necessidade de dar gorjeta, uma vez que, neste caso, não há movimentação de dinheiro vivo.

gorjetas são sempre bem-vindas
Muitas vezes, não deixar nenhum valor como gorjeta pode passar uma impressão ruim

Embora cada pessoa tenha pleno direito de escolher o que fazer com seu próprio dinheiro, não deixar nenhum valor como gorjeta pode passar uma impressão ruim. Seja 10%, 15%, ou apenas alguns trocados, é sempre bom estar preparado para deixar um “agrado” para aqueles que nos servem com qualquer tipo de serviço.

Recebeu um serviço ruim? Dê gorjeta da mesma forma, mas não deixe de dar também seu feedback. Nada melhor do que retribuir uma má postura com gentileza!

Tagged
Leia mais